sexta-feira, 3 de abril de 2009

Aprendendo...

A vida é sim um eterno e constante aprendizado!
Eu sou prova viva disso!
E esse poema passa isso!
Espero que gostem!


Aprendendo...

João Luiz Batista Mattos

A vida as vezes é dura...

É complicado de aceitar algumas coisas

Ruim é crescer...

Ver os amigos se afastarem e a solidão nascer

E se aprende a ver eles irem e a solidão chegar...

Ruim mesmo é ver o coração ser partido

Uma, duas, inúmeras vezes...
E mesmo assim continua buscando a “tal felicidade”

Ainda assim, aprende-se...

É ruim demais ver aqueles que amamos irem...

E não é ir apenas para longe...

É uma ida para não voltar mais...

Um poeta disse há um tempo atrás que “os bons morrem jovens”
E nem ele resistiu!

Com tantas quedas o que resta é apenas o aprendizado

Idas e vindas da vida nos tornam fortes ou fracos na medida do nosso tempo...

E se fortalece na fraqueza e se enfraquece na fortaleza

Vive-se e aprende-se

Um dia, cantou-se que éramos tão jovens...

E hoje?

Somos frutos de que?

De uma semente perdida na imensidão dos nossos pecados?

Ou um ser em eterno aprendizado?

Nem a tempestade quente que não acalenta nem o mais indiferente dos corações...

Pode se mostrar diferente da lição que já deferíamos saber de cor

Então, só nos resta...

Aprender!