quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Independência em vida...

É queridos...

Mais uma atualização do meu blog...

Embalado com o feriado que nos trouxe independência, criei um texto de acordo com as coisas que estou vivendo...

Espero que gostem!

Obrigado pelas visitas e continuem visitando...



Independência em vida...
João Luiz Batista Mattos

Sinceramente
Me sentia refém...
Além de muitas coisas que me prendiam e eu consegui me soltar
Mesmo assim me sentia refém
Refém de um cuidar que não me pertencia
Um cuidar que não me respeitava
Só me sugava
Absorvia
E me amargurava
Gritos de independência são dados em toda vida
As vezes, eles não são como deveriam ser
Mesmo assim são vistos como vitória para alguns
Angustia para outros
Sei que hoje me libertei de um forte grilhão...
Uma amarra que não pretendo mais tê-la
Vou ser feliz sem ninguém para me ridicularizar
Humilhar e depreciar...
Viverei para provar a mim mesmo que fiz tudo que era bom
Querendo dar a todos que me cercam o meu melhor
Quem sabe apreciar, continuará ao meu lado para toda vida
E vou me sentindo livre
Tranqüilo, em paz...
Não guardo raivas e nem mágoas
Bem sabe irmão que não sou assim
Só que já não o quero perto de mim
Aprendi do pior jeito
Sobrevivi a isso como a tudo na vida
E um dia saberá que eu humildemente, venci!