sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

O amor é tudo...

Olá leitores...

Obrigado pelas visitas e pelos comentários...

Esse texto me veio a mente depois de uma conversa com um dos meus melhores amigos!!!

Valeu Tim!!!

Aproveitem e comentem...

O amor é tudo
João Luiz Batista Mattos

Engraçado eu não cria no amor
Não achava que em algum momento, poderia achá-lo e vive-lo
Bem, hoje eu acordei feliz
Não é uma felicidade de hoje apenas
É algo que suporta dívida, brigas, confusões e complicações
Sendo eu pessoa acostumada a superar
Me vi disposto a apenas aceitar
Aceitar amor não é tão fácil quando se é e se pensa como um ser sozinho
Aceitar amor é admitir erros, mesmo estando a beira da loucura
Aceitar amor é ver pessoas querendo ajudar e permitir isso
Aceitar amor é não ser mais sozinho
Meu passado sozinho me fez sofrer, das pessoas as fiz culpadas de algo que não são
Erros de outras pessoas não devem ser passadas para frente...
Devemos sim, assumir nossos erros, quebrar nossos orgulhos e aceitar amorosamente o outro
Claro, sempre haverá divergências, brigas e contendas
Se não houver isso, podemos chamar de vida?
Obvio que não
Vivemos para aprender com as merdas que fazemos
E crescer um pouco mais a cada dia
Haverá momentos de sorrir e de alegria profunda
E aquelas pessoas que humildemente aceitamos em nossas vidas choraram nossas lágrimas...
Acredite, não existe há muito tempo motivo para invejas
Há hoje uma esperança que aceite-se um amor e uma mudança de vida
O amor verdadeiro é aquele que vence o medo, pois aquele que vence o medo mostra que não tem culpa nenhuma em amar!
Portando, apenas ame e deixe-se amar...

Um comentário:

Josiane disse...

um dia ainda encontrarei um AMOR de verdade... não esses q me enganam com palavras, sentirei ser Amada por completo... e perderei o medo de aceitar esse Amor